POR QUE VOCÊ NÃO PÁRA DE IR À IGREJA?


Oi amigos há muito tempo tenho me questionado sobre o título desta postagem, já tive amigos que também eram fiéis a Igreja e hoje são tão alheios e estes amigos são um pouco parecidos comigo em suas atitudes e comportamentos mas sempre me intrigava o motivo deles terem desistido enquanto eu ainda perseguia e não conseguia me desatrelar da Igreja. Hoje por meio de um e-mail enviado por uma amiga a Marianne encontrei uma possível resposta.
Abaixo segue na íntegra o e-mail.
Abração,
Luciano Medrado.
Quem nunca se deparou com esta frase? Quem não enfrentou este questionamento na faculdade, no trabalho ou na própria família? Qual jovem já não foi tentado com esta pergunta? E eu te pergunto também: “por que você não parou de ir à Igreja”?
Após alguns anos de caminhada é bom que todos nós nos questionemos realmente o porquê não paramos de ainda de ir à Igreja. Essa resposta existe e está com Deus dentro de nós.
Não paramos porque Deus não quis. Ele segurou. Ele fortaleceu nossa fraqueza. Deus nos sustentou e nos alimentou.
Lembra daquelas situações tristes da caminhada, das quais ninguém te entendia, ninguém percebia o que você estava passando? Lembra das vezes em que você foi desprezado ou mandado embora do lugar que você mais amava? Diante destas situações, era pra você ter largado tudo. Mandado tudo “para o espaço”. E por que você não fez? Por que não largou tudo na hora que seu grupo de oração, que sua comunidade, sua paróquia , ou até mesmo você estava em crise?
A resposta está no sol, na lua, nas estrelas, na terra. Por que o sol não despenca? Por que a terra se move e não cai? Porque tudo tem uma ordem e um sustento. A ordem é a fidelidade que todo ser humano traz em si e o sustento é este eixo invisível chamado Vontade de Deus.
A fidelidade associada à vontade de Deus supera todas as dificuldades dos anos de caminhada e nos lança sempre numa perspectiva de futuro. O Santo Padre João Paulo II dava a isto o nome de “sinergia”, ou seja, o nosso esforço pessoal somado a Dom de Deus. A fidelidade é um Dom. Ela é de Deus, mas o querer é nosso. Deus não nos violenta. E por isso não nos obriga a caminhar.
Mas, e quem realmente parou de caminhar... era vontade de Deus? Não. Com certeza parar de caminhar não é vontade de Deus e sim do próprio ser humano. Quem pára de caminhar é porque na verdade nunca descobriu o verdadeiro Caminho. Contudo, a vontade de Deus também é volta. Se vale a pena permanecer fiel quanto mais voltar à fidelidade.
O ser humano em sua composição foi formado com fidelidade e esta fidelidade libera com mais facilidade vontade de Deus.
Por que eu não parei de ir à Igreja? Porque Deus não quis e este acesso Ele conseguiu através da minha fidelidade.
Fidelidade é milagre.
Silvinho Zabisky
Fundador da comunidade BEATITUDES DO CORAÇÃO DE JESUS

Um comentário:

  1. É pela graça de Deus q permanecemos... tantas vezes eu olhei para mim e para as minhas limitações e quis desistir, e não sabia o porque de não conseguir... depois de um tempo, percebi que estava lá pq precisava de força para alimentar minha fraqueza, minhas dores e minhas limitações. precisava do "banquete dos miseráveis", como diz Pe. Fábio... pude viver o real sentido da frase tão cheia de compaixão de Jesus: EU VIM PARA OS DOENTES...

    beijos na alma!

    ResponderExcluir