COMO QUADROS NA PAREDE



Estou em processo. Não tente me entender no primeiro momento. Será inútil, você poderá se frustrar. Não sou o conceito que teces sobre mim: mesquinho e tacanho. Sempre que digo quem sou de alguma forma reforço minha identidade, caráter e personalidade. Isto é um fato. Não estou pronto, sou um ser em feitura constante. Minha tessitura é a vida em suas experiências. Não gosto de me encaixar em conceitos construídos sobre mim que não configuram com o que eu acredito ser. Por isso, não desprendo energia forçando em ser o que querem que eu seja. Eu Sou Sem Medo de Errar. Eu sigo, não sei parar. Desafiando às vezes minhas desmotivações sigo o curso das minhas lutas e provocações em não desistir. No caminho da vida encontro amigos. Amigos antigos, novos, os de longe e os de perto. Agora amigos de Orkut, mas não os quero apenas aqui como quadros na parede, você passa e não os observa mais por já ter se acostumado com eles ali. Mas o pior é quando os encontra no plano da realidade, continuam sendo como quadros na parede.

Luciano Medrado.

Um comentário:

  1. Olá Luciano!
    Vim dizer-lhe q sempre permuto entre teu Blog e meus pensamentos... Por isto, estou de vez em qndo por aki... Gosto mto d suas citaçoes... e em especial este texto seu!
    Abraço.... internáutico né.. rs

    ResponderExcluir